Última hora

Última hora

Quénia: cinco mortos em explosões durante protesto contra Constituição

Em leitura:

Quénia: cinco mortos em explosões durante protesto contra Constituição

Tamanho do texto Aa Aa

Cinco pessoas perderam a vida e cerca de oitenta ficaram feridas em Nairobi, na sequência de duas explosões durante uma manifestação de opositores ao projecto da Nova Constituição do Quénia.

Milhares de pessoas tinham respondido ao apelo de grupos cristãos para protestar contra o texto que será submetido a referendo em Agosto e que prevê, nomeadamente, a legalização do aborto e a manutenção dos tribunais islâmicos tradicionais.

O primeiro-ministro Raila Odinga, que visitou feridos num dos hospitais da capital, disse que “ainda não são conhecidas as causas do incidente” e, portanto, prefere “evitar a especulação. Os esforços devem ser, de momento, direccionados para ajudar os que foram feridos, sobretudo aqueles que apresentam uma situação grave”.

É o primeiro incidente violento no Quénia desde as tensões étnicas e políticas que seguiram a reeleição contestada do presidente Mwai Kibaki no fim de 2007, que se saldaram em 1500 mortos e mais de 300 mil deslocados.