Última hora

Última hora

É o adeus a José Saramago

Em leitura:

É o adeus a José Saramago

Tamanho do texto Aa Aa

Portugal e o mundo despediram-se, este domingo, de José Saramago.

A última homenagem ao prémio Nobel da Paz decorreu nos paços do concelho, em Lisboa.

Cerca de 20 mil pessoas passaram, desde sábado, pelo Salão Nobre da Câmara onde o corpo esteve em câmara ardente.

Hoje e à saída da urna, coberta pela bandeira nacional, o escritor foi recebido com um forte aplauso.

“Obrigado, Saramago” foram algumas das palavras mais ouvidas.

O cortejo fúnebre do escritor começou por volta do 12h30 rumo ao cemitério do Alto de São João, onde foi cremado.

As cinzas de Saramago vão ficar em Lisboa. O escritor imortalizado nas cerca de 50 obras que escreveu ao longo da vida.