Última hora

Última hora

Israel reduz restrições a Gaza mas Hamas exige fim total do bloqueio

Em leitura:

Israel reduz restrições a Gaza mas Hamas exige fim total do bloqueio

Tamanho do texto Aa Aa

Israel garante que quase todas as mercadorias não militares podem entrar em Gaza.

Face à pressão internacional, Telavive decidiu levantar uma parte das restrições impostas ao enclave palestiniano.

Até agora, as autoridades israelitas só deixavam entrar na Faixa de Gaza bens alimentares.

Um porta-voz do governo hebraico afirmou esta segunda-feira que a partir de agora todas as mercadorias podem entrar no território, excepto armas e outros bens militares que podem ser usados pelo Hamas.

Mas as medidas israelitas são vistas como insuficientes pelo movimento palestiniano que controla o território desde 2007. O Hamas exige o fim total do bloqueio.

Um comerciante de Gaza diz que já não vai receber as mercadorias provenientes dos túneis porque as que entram pelos pontos de passagem são mais barata.

Um deputado palestiniano afirma que não haverá mudança se não forem abertos todos os pontos de passagem entre Gaza e Israel e que a única intenção dos israelitas é enviar uma mensagem à comunidade internacional sem tomar verdadeiras medidas no terreno.

O bloqueio tem impedido a população de reabilitar as infra-estruturas destruídas pelo raide militar israelita de há um ano e meio, em resposta aos rockets do Hamas.

Telavive anunciou agora que vai permitir a entrada de materiais de construção mas só para os projectos aprovados pela Autoridade Palestiniana, nomeadamente escolas e centros de saúde.