Última hora

Última hora

Estado português veta venda da Vivo à Telefónica

Em leitura:

Estado português veta venda da Vivo à Telefónica

Tamanho do texto Aa Aa

O governo de José Sócrates recorreu à “golden share” na PT para chumbar a proposta da Telefónica pela Vivo. Para o primeiro-ministro português, a oferta era contrária aos interesses estratégicos do país.

O operador espanhol de telecomunicações ofereceu 7,15 mil milhões de euros aos accionistas da Portugal Telecom para comprar a participação na congénere brasileira Vivo.

A assembleia geral de accionistas reuniu-se esta quarta-feira para tomar uma decisão. A oferta foi aprovada por 74 por cento do capital representado. Mas o Estado chumbou a proposta. A medida, inédita, pode ser considerada ilegal pela União Europeia.