Última hora

Última hora

Bélgica inicia presidência semestral da União Europeia

Em leitura:

Bélgica inicia presidência semestral da União Europeia

Tamanho do texto Aa Aa

Sai a Espanha entra a Bélgica. Esta quinta-feira foi dia de passagem de testemunho em Bruxelas, mas de forma discreta à imagem do desejado pela Bélgica para os seis meses de presidência da União Europeia. Uma presidência particular, já que os comandos são assumidos pelo governo belga demissionário. Mas nada que desmoralize, Steven Vanackere, o actual chefe da diplomacia belga: “É uma grande honra para nós poder começar a um de Julho, um dia precioso e, olhando para o tempo, de bom presságio para esta presidência”

Com a crise política entre francófonos e flamengos belgas ganha Herman Van Rompuy. O presidente do Conselho Europeu terá a oportunidade para se impor na cena europeia, já que a Bélgica quer deixar-lhe todo o protagonismo nos próximos seis meses.

Esta é a 12/a presidência belga da União Europeia e será centrada nas questões económicas. A Bélgica e Herman Van Rompuy vão tentar criar as bases do governo económico europeu, reforçar a vigilância dos mercados financeiros mas também criar o corpo diplomático europeu.