Última hora

Última hora

Democratas japoneses perdem maioria

Em leitura:

Democratas japoneses perdem maioria

Tamanho do texto Aa Aa

O Partido Democrata do Japão perdeu a maioria que detinha no Parlamento, nas eleiçóes deste domingo.

Um resultado que coloca novas dificuldades ao Primeiro-Ministro, Naoto Kan e ao seu plano de reformas orçamentais e fiscais.

Os liberais, que estiveram décadas no poder, através do seu lider, Sadakazu Tanigaki, vêem aqui a possibilidade de um regresso rápido:

“Este resultado prova que o eleitorado japonês puniu severamente a política caótica conduzida pelo Partido Democrata, nos últimos 10 meses. E mostra também que o povo apoiou o nosso esforço e recuperou a confiança, depois da nossa derrota do ano passado”.

Numa primeira análise, parece que o eleitorado aproveitou este escrutínio para penalizar os agravamentos fiscais, propostos pelo primeiro-ministro, como ele próprio reconhece:

“As pessoas podem ter considerado que a forma como me referi aos impostos tenha sido um pouco brusca. Penso que a falta de uma explicação mais completa foi a causa deste resultado”.

O imposto que mais controvérsia gerou foi o IVA, com uma taxa actual de 5 por cento.

Este resultado não pôe em causa a continuidade do governo do Partido Democrata. Mas as reformas de Naoto Kan precisam agora de outros apoios no Senado.