Última hora

Última hora

Japão: Governo democrático "chumbado" nas urnas

Em leitura:

Japão: Governo democrático "chumbado" nas urnas

Tamanho do texto Aa Aa

Os japoneses votaram e o primeiro-ministro perdeu a maioria.
 
Foi este domingo que as urnas funcionmaram para renovar metade dos lugares do senado. Uma eleição que correu da pior maneira para o primeiro-ministro, Naoto Kan, que tomou posse há apenas um mês.
 
O escrutínio serviu também para o Partido Democrático, que ganhou as eleições há um ano após cinco décadas de domínio dos liberais, tomar o pulso ao país.
 
Os democratas precisavam de conservar o controlo da câmara alta do parlamento para poderem implementar as reformas que o país precisa para sair da crise económica. Mas tudo falhou.
 
Uma das bandeiras de campanha dos democratas foi a subida do IVA para conseguir receitas para o Estado. Uma medida impopular, que  comprometeu alguns lugares no senado.
 
O Japão, nos últimos quatro anos, conheceu cinco primeiros-ministros, o que não atesta a estabilidade política do país.