Última hora

Última hora

Agricultura biológica: Um sector a ter em conta na reforma da PAC

Em leitura:

Agricultura biológica: Um sector a ter em conta na reforma da PAC

Tamanho do texto Aa Aa

Que futuro para a agricultura europeia? A produção biológica tornou-se num elemento a ter em conta. Na última década, a Europa viu duplicar a superfície cultivada de forma biológica, incentivada por uma procura que não pára de aumentar – cerca de dez a 15% por ano- e que supera os 14 mil milhões de euros.

Mas é um sector ainda marginal. Actualmente, há 7,6 milhões de hectares destinados à agricultura biológica, ou seja, 4,3% das terras cultivadas.

A Áustria, com 15,5 por cento, lidera a lista de países europeus com maior superfície ocupada pela produção biológica, seguida da Suécia e da Estónia, com quase 11 por cento. A Espanha é o país que lidera em termos de volume de produção biológica.

Números a ter em conta pelo Comissário europeu da Agricultura. Depois do debate público, Dacian Ciolos debruça-se agora sobre a reforma da Política Agrícola Comum (PAC) pós-2013. Um assunto que divide os Vinte e Sete.

De um lado estão os países que defendem a PAC e as ajudas aos agricultores, que representam quase metade do orçamento anual da União. Do outro, os Estados que gostariam de canalizar esse dinheiro para outros sectores, como a energia e a inovação.