Última hora

Última hora

Euro ameaça exportações

Em leitura:

Euro ameaça exportações

Tamanho do texto Aa Aa

A maior recuperação do euro no espaço de um ano está a ameaçar os exportadores das economias mais fracas da Europa.

O euro bateu um mínimo histórico de quatro anos a 7 de Junho. Desde então já subiu 9,5%, tendo estado a negociar acima dos 1,30 dólares, valor que já não atingia desde o início de Maio.

O Clube de Exportadores de Espanha diz que com um euro forte vai ser mais difícil combater um mercado doméstico paralisado.

Num clima de incerteza, o ouro continua a ser visto como um valor seguro. O metal precioso subiu 20% em euros desde o início do ano.

No primeiro trimestre deste ano, Índia, China e Estados Unidos foram os principais consumidores de ouro. Entre o primeiro país da lista e o terceiro, há uma diferença de mais de 152 toneladas.

O preço do ouro atingiu um valor histórico em Junho, mês em que uma onça atingiu os 1,294 dólares.