Última hora

Última hora

Afeganistão: tropas internacionais podem permanecer no país após 2014

Em leitura:

Afeganistão: tropas internacionais podem permanecer no país após 2014

Tamanho do texto Aa Aa

O governo do Afeganistão quer assumir a segurança do país a partir de 2014.

O objectivo foi traçado pelo presidente, Hamid Karzai, na conferência de doadores que hoje arrancou em Cabul. O encontro internacional reúne dezenas de delegados e ministros dos Negócios Estrangeiros.

O início da retirada das tropas norte-americanas está agendado para o próximo ano. Até 2014, o presidente afegão pretende assumir as rédeas em toda as regiões:

“Estou determinado a que as forças de segurança afegãs assumam a responsabilidade pelas operações militares e policiais em todo o país até 2014” afirma.

Mas o que vai acontecer após o período de transição não é ainda claro.

A secretária de Estado norte-americana garante que os soldados vão permanecer no país com funções de apoio:

“O período de transição é muito importante para não atrasar o processo, mas a data assinala o início de uma nova fase, não o fim do nosso envolvimento” refere Hillary Clinton.

Um envolvimento justificado com o combate aos talibãs que se arrasta há nove anos. Na véspera da conferência foram ouvidas uma série de explosões perto do local onde, hoje, decorre o evento. O avião onde seguia o secretário-geral da ONU e o chefe da diplomacia sueco foi impedido de aterrar em Cabul.