Última hora

Última hora

Sérvia reage à decisão do Tribunal

Em leitura:

Sérvia reage à decisão do Tribunal

Tamanho do texto Aa Aa

A Sérvia já reagiu à decisão do Tribunal Internacional de Justiça que decidiu esta quinta-feira que a declaração unilateral de independência do Kosovo emitida em 2008 não viola o direito internacional.

“A Sérvia nunca irá, sob quaisquer circunstâncias, reconhecer a declaração unilateral de independência. Acredito que a partir de agora várias pessoas em todo o mundo sentir-se-ão tentadas a emitirem declarações de independência, as quais, no sentido estrito segundo o tribunal, estarão conformes ao direito internacional”, afirmou Vuk Jeremic, ministro sérvio dos negócios estrangeiros.

Posição diferente sustenta o chefe da diplomacia kosovar, Skender Hyseni, que defende a normalização das relações entre dois estados soberanos.

Falando aos jornalistas, Hyseni disse “espero que a Sérvia esteja à altura das suas responsabilidades enquanto nação ocidental dos Balcãs. Gostaria que a Sérvia viesse ter connosco para falar de questões importantes e de interesse comum. Mas isso só pode acontecer dentro do contexto das relações entre estados soberanos.”

O presidente kosovar, Fatmir Sejdiu, reagiu igualmente afirmando que o parecer do Tribunal afasta quaisquer dúvidas sobre a independência do Kosovo.