Última hora

Última hora

Venezuela rompe relações diplomáticas com a Colômbia

Em leitura:

Venezuela rompe relações diplomáticas com a Colômbia

Tamanho do texto Aa Aa

A Venezuela deu 72 horas aos diplomatas colombianos para abandonarem o país.

É a reacção do governo de Hugo Chavez às acusações do país vizinho.

A Colômbia diz ter provas de que a Venezuela dá refugio às Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC).

O embaixador colombiano junto à Organização dos Estados Americanos, que se reuniu, esta quinta-feira, em Washington, teceu duras críticas ao governo de Hugo Chavez:

“A Colômbia não quer regressar a este pesadelo. E digo aos venezuelanos, povo irmão, não se deixem escravizar nesse pesadelo que foi uma tragédia que nós já sofremos”, declarou Luis Alfonso Hoyos.

Bogotá apresentou fotos e vídeos como prova de que 1500 guerrilheiros das FARC usam o território da Venezuela como retaguarda para atacar alvos colombianos, raptar pessoas e traficar droga.

O embaixador venezuelano rejeitou as alegadas provas:

“Não há provas, são fotografias tiradas não se sabe onde”, declarou Roy Chaderton.

Durante um encontro, em Caracas, com Diego Maradona, Hugo Chavez anunciou que as tropas na fronteira estão em estado de alerta máximo.