Última hora

Última hora

Instituições europeias felicitam resultados da banca da Zona Euro

Em leitura:

Instituições europeias felicitam resultados da banca da Zona Euro

Tamanho do texto Aa Aa

O sistema bancário da Zona Euro é globalmente sólido. Esta é, pelo menos, a opinião da Comissão Europeia, do Banco Central Europeu e do Comité de Supervisores Bancários Europeus, que deu a conhecer esta sexta-feira os testes de resistência realizados a 91 bancos dos países de moeda única.

Bruxelas alerta no entanto para a necessidade de reforçar rapidamente os capitais das 7 instituições que chumbaram nos testes.

O exame da banca europeia pretende tranquilizar mercados face à ameaça da dívida de países como a Grécia.

Um analista financeiro sublinha, no entanto, que “os resultados são positivos, mas não surpreendentes” e defende que “existe uma campanha com motivações políticas para que os bancos reconquistem a confiança dos investidores”.

Entre os bancos que falharam o teste, contam-se um alemão, um grego e cinco caixas de aforro espanholas. Madrid lembra, no entanto, que se trata de pequenas instituições e que todos os oito grandes bancos espanhóis testados se mostraram resistentes.

A ministra da Economia considera, por isso, o resultado como “satisfatório” e uma prova de que “o sistema financeiro [espanhol] suportou bastante bem os efeitos da crise”.

Os sete bancos chumbados precisam de uma recapitalização de 3 mil e quinhentos milhões de euros. A banca portuguesa, por seu lado, não deu sinais de debilidade.