Última hora

Última hora

EUA: Arizona quer apelar ao Supremo Tribunal após bloqueio à lei de imigração

Em leitura:

EUA: Arizona quer apelar ao Supremo Tribunal após bloqueio à lei de imigração

Tamanho do texto Aa Aa

Os dirigentes de origem latino-americana celebraram esta quarta-feira a decisão da juíza Susan Bolton de bloquear parte da polémica lei do estado do Arizona.

A magistrada vetou a parte da lei que permitia à polícia a abordagem de pessoas que parecessem imigrantes clandestinos. Outro ponto bloqueado foi aquele que obrigava os imigrantes a carregarem sempre consigo os documentos.

Segundo Tom Sjoberg, habitante de Phoenix no Arizona, as pessoas devem ser mandadas embora antes de ajudarem nos trabalhos do quotidiano e não depois.

Muitos dos defensores desta lei consideram que esta foi uma medida constitucional para conter o fluxo de imigrantes ilegais no Estado, que é o maior ponto de entrada para os Estado Unidos.

A governadora republicana, que aprovou a lei em Abril passado, afirmou já que irá recorrer ao Supremo Tribunal para reverter a deliberação.

Jan Brewer classificou esta decisão como “uma pedra no caminho” e que já estava à espera que isto acontecesse. Para a governadora este é o início do processo.

Um dos críticos desta lei foi Barack Obama, cujo Partido Democrata luta para manter a maioria no Congresso. O presidente apoia uma reforma profunda das leis de imigração, que reforce a vigilância nas fronteiras mas que abra caminho para a regularização de imigrantes ilegais.