Última hora

Última hora

BP começa a cimentar poço no Golfo do México

Em leitura:

BP começa a cimentar poço no Golfo do México

Tamanho do texto Aa Aa

A BP começou a cimentar o poço de petróleo responsável pela pior maré negra na história dos Estados Unidos.

Depois do sucesso da injecção de lodo no poço, a multinacional recebeu luz verde das autoridades norte-americanas para avançar.

São boas notícias até porque, segundo a Administração Nacional Oceânica e Atmosférica a situação não é tão má como se esperava.

Jane Lubchenco garante que, segundo um relatório, grande parte do petróleo derramado evaporou-se, foi queimado, ou recuperado, há ainda uma parte espalhada mas está num processo de degradação, relativamente, rápida.

Apesar do entusiasmo das autoridades americanas. Há quem alerte para as consequências futuras, por exemplo, na reprodução de peixes e aves.

Paul Anastas, da Agência de Protecção Ambiental afirma que os efeitos de longo prazo na vida aquática são desconhecidos. Um dos motivos é a quantidade, nunca antes utilizada nos Estados Unidos, de dispersante no mar.

Apesar dos prognósticos positivos vai levar algum tempo até a vida dos habitantes dos estados afectados voltar à normalidade. Turismo, pesca e comércio são dos sectores mais atingidos por esta maré negra.