Última hora

Última hora

Guerra aberta entre Sean Penn e Wyclef Jean

Em leitura:

Guerra aberta entre Sean Penn e Wyclef Jean

Tamanho do texto Aa Aa

A candidatura de Wyclef Jean à presidência do Haiti pode acabar como mote para uma canção ou para um filme em Hollywood.

É que a polémica entre o cantor e o actor e realizador Sean Penn está lançada. ean Penn, que esteve várias vezes no Haiti após o terramoto de 12 de Janeiro, garante que Jean, haitiano radicado nos Estados Unidos, não participou nos esforços de reconstrução e acusa-o de desviar dinheiro das doações.

O «hip-hoper» responde: “Eu quero que o Sean Penn compreenda que eu sou haitiano, nasci no Haiti. E antes de falar, em público, sobre coisas que têm a ver com Wyclef Jean, deveria pegar no telefone e encontrar-se comigo para que me compreenda”.

Wyclef Jean negou as acusações de ter desviado mais de 400 mil dólares, doados à Fundação que dirige. Mesmo assim, não convence alguns haitianos. Um advogado explica que há pessoas que dizem que é muito mau ter Wyclef Jean como candidato à presidência do Haiti. “É um sinal de desespero nacional e internacional”, acrescenta.

O hip-hoper quer ser a voz da juventude que representa, segundo o próprio, 50 por cento da população. A ver vamos se a sua música convence o eleitorado.