Última hora

Última hora

Sobe para 127 número de mortos em deslizamentos de terras na China

Em leitura:

Sobe para 127 número de mortos em deslizamentos de terras na China

Tamanho do texto Aa Aa

Na China, os deslizamentos de terras deste sábado já mataram pelo menos 127 pessoas. Mais de 70 estão feridas.

Nesta fase, os números ainda são provisórios pelo que o balanço pode agravar-se.

Os aluimentos aconteceram na região de Gansu, noroeste do país. Até ao momento, as autoridades da província de população maioritariamente tibetana confirmaram cerca de dois mil desaparecidos.

O primeiro-ministro Wen Jiabao viajou até ao local do desastre e levou a mensagem do Presidente Hu Jintao, que pediu às equipas de socorro para fazer tudo o que estiver ao seu alcance para salvar vidas.

Na cidade de Zhouqu, várias pessoas ficaram presas na água depois do rio Bailong transbordar, mas o principal problema é o barro e os detritos espalhados pelas ruas. A electricidade está cortada.

As autoridades destacaram três mil soldados e uma centena de membros de pessoal médico para que participem nas operações de busca e salvamento.

Desde o início do ano, as chuvas torrenciais fizeram mais de 2100 mortos ou desaparecidos em todo o país e provocaram 12 milhões de desalojados.