Última hora

Última hora

Rússia: tempo quente vai continuar

Em leitura:

Rússia: tempo quente vai continuar

Tamanho do texto Aa Aa

Na Rússia, o tempo quente vai prolongar-se por mais dez dias. Esta a previsão de um centro russo de meteorologia.

Na capital, Moscovo, mesmo se o fumo diminuiu de segunda para terça-feira, os efeitos continuam a fazer-se sentir com particular gravidade.

A população recorre a máscaras para facilitar a respiração. Outros contudo não têm alternativa senão utilizarem vaporizadores.

“Trago comigo um spray para ajudas os pulmões a respirarem. Não sei como é que os bombeiros conseguem lidar com isto”, afirmou um transeunte.

Para outros moscovitas o calor é tanto que nem sequer encontram alívio em casa. A alternativa é o recurso a centros sociais.

“Sou reformada, não trabalho e como não podia ficar em casa devido ao calor vim para aqui. Demorou apenas 10 minutos. É assim que estou a lidar com isto, não aguento mais”, disse uma moscovita num dos centros sociais da cidade.

O primeiro-ministro russo, Vladimir Putin, e o presidente da câmara municipal de Moscovo, Iouri Loujkov, reuniram-se esta terça-feira. O Kremlin criticou o regresso tardio do autarca que não interrompeu as férias para lidar com a crise.

A vaga de calor que está na origem dos fogos nas florestas e turfas terá consequências graves sobre a economia. Pelo menos 1% do produto interno bruto poderá estar comprometido segundo os economistas.