Última hora

Última hora

Juízes exigem aprovação parlamentar para acordo entre EUA e Colômbia

Em leitura:

Juízes exigem aprovação parlamentar para acordo entre EUA e Colômbia

Tamanho do texto Aa Aa

O tribunal constitucional da Colômbia suspendeu o acordo militar com os Estados Unidos.
 
Os juízes consideram que o documento deve ser aprovado pelo parlamento.
 
O acordo em causa permite aos Estados Unidos ter acesso a sete bases colombianas.
 
O ministro da defesa da Colômbia não tem dúvidas sobre a importância do pacto com Washington:
 
“O governo nacional reafirma a importância fundamental da cooperação entre a Colômbia e os Estados Unidos que se estabeleceu nas últimas décadas no domínio da segurança e da defesa e em particular na luta contra o tráfico de droga e o terrorismo.
 
O ex-presidente colombiano, Álvaro Uribe, foi criticado por não ter submetido o acordo ao congresso. O documento é criticado por conceder imunidade às tropas norte-americanas, em caso de crime.
 
Mas o pacto militar deverá ser aprovado pelo actual governo de Manuel Santos que dispõe de uma confortável maioria parlamentar.
 
De acordo com o documento votado pelo congresso norte-americano, os Estados Unidos são autorizados a enviar até oitocentos militares para a Colômbia.