Última hora

Última hora

Moscovo reage à extradição de Viktor Bout

Em leitura:

Moscovo reage à extradição de Viktor Bout

Tamanho do texto Aa Aa

A Rússia vai lutar pelo regresso do traficante de armas Victor Bout ao seu país. Esta é a reacção de Moscovo após um tribunal de recurso tailandês ter aceitado o pedido de extradição apresentado pelos Estados Unidos.

Detido em Banguecoque desde Março de 2008, Bout viu um primeiro pedido de extradição ser recusado por um tribunal da capital tailandesa.

Conhecido como o “comerciante da morte”, Bout,
antigo oficial da Força Aérea Soviética, terá inspirado o filme “Senhor da Guerra”, protagonizado por Nicolas Cage.

“Estamos preocupados com a decisão tomada pelo tribunal de apelo tailandês, que em meu entender, não é jurídica, mas política, Segundo as informações de que dispomos, a decisão foi tomada sob fortes pressões externas e isso é preocupante”, afirmou esta sexta-feira o chefe da diplomacia russa, Sergei Lavrov.

Alla, a esposa do conhecido traficante de armas, tinha lançado um apelo ao Governo russo para ajudar a “restabelecer a justiça” em relação à decisão tailandesa de extraditar o seu marido.

Bout foi detido em Banguecoque após se ter encontrado com agentes norte-americanos que se fizeram passar por guerrilheiros colombianos.