Última hora

Última hora

ONU testa solidariedade com Paquistão

Em leitura:

ONU testa solidariedade com Paquistão

Tamanho do texto Aa Aa

A Assembleia Geral da ONU reuniu-se numa sessão urgente em Nova Iorque para incrementar e acelerar a ajuda humanitária destinada ao Paquistão.

As consequências das piores inundações dos últimos 80 anos no país podem ser ainda mais devastadoras se se continuar a perder tempo, como disse o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon: “Juntos deixem-nos ajudar as pessoas do Paquistão. Deixem-nos agir de forma a que este desastre natural não se transforme numa catástrofe criada pelo homem”.

Ban Ki-moon descreveu a crise como um “lento tsunami”. Até agora, a ONU conseguiu arrecadar pouco mais de metade dos 460 milhões de dólares que solicitou como ajuda de emergência.

Islamabad lançou um apelo para que a comunidade internacional impeça os “terroristas” de tirar proveito da crise criada pelas inundações.

As autoridades estimam em mais de 43 mil milhões de dólares as perdas provocadas pelas cheias no Paquistão, que mataram cerca de 1500 pessoas, fizeram 20 milhões de sinistrados, e mais de quatro milhões de desalojados.

Um vídeo divulgado pela ONU mostra que não há tempo a perder.