Última hora

Em leitura:

Chile: Resgate de mineiros pode demorar 120 dias


Chile

Chile: Resgate de mineiros pode demorar 120 dias

Explosão de alegria no Chile. Os 33 mineiros encurralados numa mina desde 5 de Agosto estão vivos. Os trabalhadores enviaram uma mensagem através de uma perfuradora. As famílias puderam, ainda, ver os mineiros através de imagens captadas por uma câmara.

Foi o presidente chileno, Sebastian Piñera, que anunciou a notícia e leu a mensagem de um dos mineiros: “Querida Lila (mãe), estou bem, graças a Deus. Espero, com paciência e fé, sair daqui em breve. Estou a ouvir novamente a máquina de perfuração, espero que funcione.”

As famílias, que acampam junto à mina desde a derrocada, exprimiram alívio e esperança. “É uma alegria grande que se tenha conseguido chegar até eles. Esperamos poder manter o contacto e enviar comida. O mais provável é conseguirmos. Deus é grande e quero mandar um abraço a todos os mineiros”, disse um familiar.

Os mineiros encontram-se a 700 metros de profundidade, numa galeria ventilada e com depósitos de água. Os médicos dizem que perderam entre oito a nove quilos. Entretanto, vão ser enviados sacos com comida, água e comunicações.

A 800 quilómetros dali, na capital chilena, as pessoas saíram às ruas para celebrar a notícia. Apesar da festa, escavar um novo túnel num solo instável pode demorar 120 dias. O acidente levantou várias questões sobre a segurança mineira no Chile. O presidente prometeu um inquérito para apurar o que aconteceu.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Drama interminável das cheias no Paquistão