Última hora

Última hora

Primeira-ministra australiana mais perto de ser reeleita

Em leitura:

Primeira-ministra australiana mais perto de ser reeleita

Tamanho do texto Aa Aa

A troco de uma reforma na Lei do Jogo, a primeira-ministra australiana conquistou o apoio de um dos quatro deputados independentes, fundamentais para desbloquear o empate virtual resultante das eleições legislativas de 21 de Agosto.
 
Andrew Wilkie, o novo aliado estratégico da trabalhista Julia Guillard, confirma a aparente vantagem da primeira-ministra face ao rival Tony Abbott, do Partido Conservador.
 
Wilkie mostra-se confiante num desfecho do impasse político: “Espero que esta notícia envie um sinal aos outros independentes e também espero que actuem o mais depressa possível, tal como eu fiz, para decidir que partido ou partidos apoiar de forma a devolver a estabilidade”.
 
Aconteça o que acontecer, o certo é que com a promessa de lançar uma comissão sobre alterações climáticas, entre outras coisas, a ainda primeira-ministra australiana também já ganhou o apoio dos “Verdes”.
 
A batalha ainda não está ganha e os candidatos têm-se desdobrado em manobras de sedução, para convencer os três fiéis da balança que ainda restam.
 
Os conservadores de Tony Abbott asseguraram 73 dos 150 assentos do Parlamento federal. Precisam do apoio dos três independentes para garantir a maioria. Julia Guillard conta já com 74 assentos.
 
Se nenhum dos partidos conseguir o apoio de 76 deputados para formar novo governo, os eleitores serão chamados de novo às urnas.