Última hora

Última hora

Fogo volta à Rússia

Em leitura:

Fogo volta à Rússia

Tamanho do texto Aa Aa

A Rússia está de novo a arder, e com um saldo trágico: nas últimas 24 horas morreram cinco pessoas carbonizadas.

As autoridades confirmaram que os corpos foram encontrados dentro de habitações que foram literalmente destruídas pelo fogo.

Há ainda registo de cinco pessoas desaparecidas.

Os termómetros voltaram a marcar 40 graus, nas regiões de Saratov, Buskaya e Samara.

Os fogos tiveram origem florestal, mas rapidamente se estenderam âs povoações. Os bombeiros admitem que hja responsabilidade humana:

“Nós acreditamos que, entre outras razões, há o factor humano, na origem destes fogos.Disseram-nos também que havia casos de fios eléctricos que se cruzaram e incendiaram. As faíscas caíram e incendiaram os matos, à volta das aldeias.Claro que as descargas podem contribuir para isto.Depois os ventos espalharam os fogos, por estas áreas”.

Há povoações literalmente consumidas pelo fogo. Foram evacuados 532 edifícios, 400 eram habitações.

As autoridades já confirmaram que 957 pessoas ficaram sem abrigo.

Respirar é cada vez mais difícil. Espessas nuvens de fumo cobrem todo o sul da Rússia.

Putim repetiu o aviso. O embargo às exportações de cereais é para manter, pelo menos, até às colheitas de 2011.

Nesta altura, estão a ser avaliados os stocks.