Última hora

Última hora

Governo mexicano tenta mostrar mão-de-ferro face aos clãs da droga

Em leitura:

Governo mexicano tenta mostrar mão-de-ferro face aos clãs da droga

Tamanho do texto Aa Aa

O governo mexicano tenta mostrar mão-de-ferro perante os cartéis da droga.

As Forças Armadas anunciaram hoje a morte de 25 pessoas na sequência de uma investida militar contra o campo de treino de um grupo criminoso.

A investida das forças da ordem ocorreu ontem no Nordeste do México, perto da fronteira com os Estados Unidos.

Foi na mesma região em que se descobriu, na semana passada, o massacre de 72 emigrantes clandestinos.

O México é criticado pela falta de resultados na luta contra os cartéis da droga.

Mas o presidente mexicano, Felipe Calderon, considera que a ofensiva do governo está a dar frutos e que os criminosos estão agora mais fragilizados.

“A presença das forças de segurança e a detenção de importantes líderes criminais gerou nessas organizações delinquentes, expressões de mais desespero e instabilidade interna que provocam rupturas adicionais”, disse Felipe Calderon.

Uma referência à detenção, no início da semana, de um dos traficantes mais procurados do país. Edgar Valdez, conhecido como “A barbie”, foi preso perto da capital, numa vasta operação que mobilizou 1200 efectivos.