Última hora

Última hora

British Petroleum tenta dividir responsabilidades

Em leitura:

British Petroleum tenta dividir responsabilidades

Tamanho do texto Aa Aa

A direcção da empresa atribuiu a “múltiplas companhias e equipes de trabalho” as responsabilidades pelo acidente da plataforma petrolífera do Golfo do México em 20 de abril, que causou o maior derrame de petróleo na história dos Estados Unidos.

Entre os factores identificados pela petrolífera britânica na investigação realizada por especialistas da companhia em segurança e operações, incluem-se erros de desenho do poço, má qualidade do betão e falhas da tripulação da plataforma Deepwater Horizon.

A substituição do fluido, que é mais pesado do que gás natural e petróleo, por água do mar, conduziu a uma infiltração de gás natural no poço, provocasse a explosão.

O acidente causou a morte a 11 pessoas, esteve na origem do derrame que durou 87 dias e que provocou uma desvalorização de 38% das acções da BP.