Última hora

Última hora

Castro dá dito por não dito

Em leitura:

Castro dá dito por não dito

Tamanho do texto Aa Aa

O antigo líder cubano Fidel Castro deu o dito por não dito. O antigo líder cubano afirma que os seus comentários sobre a validade do modelo económico cubano foram mal interpretados por um jornalista norte-americano.

O jornalista Jeffrey Goldberg entrevistou Castro tendo este afirmado que o modelo económico comunista já não se aplica a Cuba.

“A verdade é que a minha resposta significa exactamente o contrário do que os jornalistas norte-americanos afirmam. Como todos sabem, a minha ideia é que o sistema capitalista não funciona para os Estados Unidos ou para o mundo”, afirmou Castro a partir da Universidade de Havana.

No artigo, o jornalista da publicação Atlantic Monthly citou a analista norte-americana Julia Sweig segundo a qual Castro defenderia agora um papel mais reduzido para o Estado.

Desde o seu afastamento do poder em 2008, o irmão de Fidel, Raul Castro, ocupou a presidência do país.

Desde então têm sido introduzidas algumas reformas cujo objectivo é aumentar a produtividade preservando ao mesmo tempo o sistema comunista introduzido por Fidel Castro após a revolução de 1959.