Última hora

Última hora

Manifestante atira sapato a Papandreu

Em leitura:

Manifestante atira sapato a Papandreu

Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro-ministro grego, George Papandreu, foi hoje alvo de um sapato, atirado por um manifestante, durante a inauguração de uma feira anual de comércio, em Salónica. Este incidente resulta da crescente revolta contra os planos de austeridade do governo.

Na sexta-feira o ministro das finanças, George Papaconstantinou, anunciou um plano de reestruturação da empresa ferroviária estatal, que implica cortes nos salários e despedimento de cerca 40 por cento dos trabalhadores. Prevê-se que outras empresas estatais passarão por uma reestruturação semelhante.

Espera-se, para esta tarde, um discurso de Papandreu sobre a situação económica e teme-se que enuncie mais cortes nos gastos públicos. Mais de 4 mil polícias estão mobilizados para Salónica, a segunda cidade do país.

Vários sindicatos anunciaram já manifestações de protesto. Está marcada para segunda-feira o início de uma greve geral dos transportes, por período indefinido. A última foi em Julho passado e mergulhou a Grécia no caos. As transportadoras lutam contra a liberalização do sector.