Última hora

Última hora

Le Monde vai processar presidência francesa

Em leitura:

Le Monde vai processar presidência francesa

Tamanho do texto Aa Aa

Guerra aberta entre o jornal Le Monde e a presidência francesa. A polémica está ao rubro, depois do diário ter acusado o Eliseu de usar os serviços de contra-espionagem para descobrir uma das suas fontes, no escândalo que envolve o ministro do Trabalho Eric Woerth e Liliane Bettancourt, uma das maiores fortunas do país.

O director do jornal questiona “como é que se desvia um serviço de Estado, que deve lutar contra o terrorismo e proteger a segurança pública, para beneficiar o interesse privado do partido da maioria no poder”.

O Eliseu nega envolvimento no caso e denuncia uma guerra aberta do diário, bastante crítico face ao presidente Nicolas Sarkozy.

O secretário-geral do partido governante defende que “não se pode acusar sem provas. O que foi dito pelo Le Monde, foi sem provas. A presidência desmentiu qualquer intervenção”.

O caso inflamou o debate parlamentar desta terça-feira, com acusações directas da oposição de esquerda.

O Le Monde vai apresentar queixa na Justiça por violação da protecção das fontes de informação, visando directamente o Eliseu, apesar da Direcção Central da Polícia Nacional ter admitido agir sem conhecimento da presidência.

Para o líder da bancada socialista é “um assunto de Estado e cabe ao executivo prestar contas”.

Em visita a um projecto imobiliário nos arredores de Paris, Sarkozy não escondeu a irritação face às declarações do Le Monde. O caso que já manchava o governo bate agora à porta da presidência.