Última hora

Última hora

Um pouco de luz ao fundo do túnel para os 33 mineiros chilenos

Em leitura:

Um pouco de luz ao fundo do túnel para os 33 mineiros chilenos

Tamanho do texto Aa Aa

Os 33 mineiros chilenos, aprisionados numa galeria subterrânea há mais de seis semanas, festejaram a chegada da perfuradora ao refúgio onde se encontram, a 700 metros de profundidade.

Os primeiros trabalhos de resgate permitiram abrir um túnel de 30 cm de diâmetro que vai ser alargado nas próximas semanas para permitir a extração dos mineiros.

“Estamos muito contentes com o êxito desta primeira operação. Muito obrigado ao governo e aos trabalhadores e empresários que estão a fazer o máximo para que possamos regressar à superfície”, afirmaram os mineiros.

O governo chileno não poupa esforços para resgatar os trabalhadores. A marinha está a fabricar uma cápsula especial de 70cm para extrair os mineiros.

O operador da perfuradora afirma que está habituado a escavar para encontrar gás ou petróleo, água ou minerais, mas que é a primeira vez que o seu objectivo é resgatar seres humanos, “talvez seja o objectivo mais importante de toda a minha carreira”, afirma.

Desde há semanas que os mineiros contam com o apoio das famílias e de especialistas da NASA em sobrevivência em espaços confinados.

Graças a um programa de exercícios diários, os mineiros perderam quase 10kg e estão em forma, enquanto aguardam o resgate que poderá prolongar-se durante semanas.