Última hora

Última hora

Milão e Zagreb enfrentam subida das águas

Em leitura:

Milão e Zagreb enfrentam subida das águas

Tamanho do texto Aa Aa

As fortes chuvas que se abateram sobre o norte de Itália provocaram inundações importantes na região da Lombardia. Milão é a cidade mais afectada, devido à subida das águas do rio Seveso.

As autoridades foram obrigadas a encerrar várias estações de metro.

Uma italiana diz que “com a subida do rio Seveso a cada vez que chove” tem medo de percorrer as linhas de metro e acabar como “um rato afogado”.

Os níveis das águas chegaram aos 50 centímetros nalgumas zonas. Com a melhoria progressiva das condições meteorológicas, as autoridades estão concentradas agora na recuperação dos estragos.

Depois da vizinha Eslovénia, também durante o fim-de-semana, a intempérie avançou para a Croácia.

Tal como no território esloveno, o rio Sava desbordou em vários pontos da região de Zagreb, obrigando a evacuar pelo menos duas aldeias.

As autoridades croatas elevaram o nível de alerta e as medidas preventivas, mobilizando nomeadamente efectivos do Exército para ajudar a população a combater o avanço das águas.