Última hora

Última hora

Moscovo vai cortar número de funcionários públicos

Em leitura:

Moscovo vai cortar número de funcionários públicos

Tamanho do texto Aa Aa

A Rússia vai suprimir mais de 100 mil cargos públicos até 2013.

O anúncio foi feito, esta segunda-feira pelo ministro das finanças e visa poupar cerca de mil milhões de euros.

O número de funcionários públicos disparou depois de Vladimir Putin ter assumido a presidência do país. Uma situação que o actual chefe de Estado quer alterar

Dmitri Medvedev, que no final de Junho alertou para a necessidade de reduzir o número de funcionários em 20% explica que o objectivo não é apenas suprimir postos de trabalho, mas optimizar o rendimento dos serviços e do pessoal. O chefe de Estado russo defende, ainda, que é preciso efectuar cortes periódicos para evitar que o número de burocratas volte a aumentar.

Uma medida, segundo os analistas essencial para pôr em marcha a prometida modernização do país.

Em curso está já uma reforma que prevê reduzir em 20% o número de efectivos do ministério do Interior até ao próximo ano.