Última hora

Última hora

Israel poderá prolongar moratória à construção de colonatos judaicos

Em leitura:

Israel poderá prolongar moratória à construção de colonatos judaicos

Tamanho do texto Aa Aa

Com as negociações de paz como pano de fundo, Israel poderá prolongar a moratória que congelou a construção de colonatos judaicos na Cisjordânia.

A informação é avançada por um responsável do governo israelita, citado pela agência France Presse, e aparentemente deita por terra os receios do fim do diálogo com os palestinianos.

O presidente da Autoridade Palestiniana já tinha dito que abandonava as negociações se a moratória, que termina este domingo, não fosse alargada.

O presidente dos Estados Unidos também aproveitou a Assembleia-Geral da ONU para repetir o apelo à continuidade: “A moratória que congelou a construção de colonatos fez a diferença e abriu caminho às negociações de paz. A nossa posição é bem clara. Achamos que a moratória deve ser prolongada”.

O discurso foi proclamado perante o vazio da delegação israelita, ausente devido à comemoração de uma data religiosa.

Barack Obama diz que é fundamental ultrapassar o impasse: “Desta vez devemos atingir um consenso favorável a todos. Se o conseguirmos, quando voltarmos aqui no próximo ano, podemos ter um acordo que vai definir um novo membro da Nações Unidas. O estado independente da Palestina, que vive em paz com Israel”.

Enquanto se apela à calma, nas ruas aumenta a tensão. Desde a morte de um palestiniano por um segurança israelita, esta quarta-feira, os confrontos voltaram a ganhar força.