Última hora

Última hora

Suíços aprovam aumento de descontos para subsídio de desemprego

Em leitura:

Suíços aprovam aumento de descontos para subsídio de desemprego

Tamanho do texto Aa Aa

Os suíços aprovaram em referendo o aumento dos descontos para o subsídio de desemprego e a redução de benefícios para os desempregados.

Com a vitória do “sim”, com 53,3 por cento, a taxa de descontos passou dos dois para os 2,2 por cento, a ser partilhada por trabalhadores e empregadores.

A presidente suíça diz que o voto mostra que existe solidariedade: “Aqueles que ganham mais vão pagar uma contribuição suplementar para o seguro desemprego sem receber mais prestações por parte do seguro”, revela Doris Leuthard.

É a quarta vez que esta legislação foi revista, mas o projecto dividiu a Suíça.

De acordo com o Governo federal, a nova lei vai permitir reorganizar as finanças do subsídio de desemprego, cuja dívida atingiu os sete mil milhões de francos suíços, 5,3 mil milhões de euros, acentuada com o aumento do número de desempregados em 2009, devido à crise económica e financeira mundial.