Última hora

Última hora

Autarca de Moscovo forçado a passar testemunho

Em leitura:

Autarca de Moscovo forçado a passar testemunho

Tamanho do texto Aa Aa

O até agora presidente da câmara de Moscovo tem poucas razões para sorrir.

Iouri Loujkov foi demitido, depois de ter criticado a administração de Dmitri Medvedev.

O ex-autarca foi mais longe e referiu que o país precisava de um líder mais forte para as presidenciais de 2012.

Palavras que não caíram bem junto do chefe de Estado russo e a demissão foi inevitável.

Dmitri Medvedev justifica a decisão com a perda de confiança no homem que dirigiu a câmara de Moscovo durante 18 anos.

A Constituição russa permite que o Presidente demita o autarca de Moscovo e os governadores regionais e nomeie os sucessores, sem que existam eleições.

O controverso barão da cena política russa recusou, sempre, demitir-se. Cumpriu a promessa, mas não conseguiu evitar o afastamento.