Última hora

Última hora

Coreia do Norte: partido reconduz líder supremo

Em leitura:

Coreia do Norte: partido reconduz líder supremo

Tamanho do texto Aa Aa

Kim Jong Il foi reconduzido como secretário-geral do Partido dos Trabalhadores da Coreia do Norte.

O partido único reuniu-se para a eleição das cúpulas e para a designação do delfim que sucederá ao líder , vítima de um ataque cerebral em 2008, e cujo estado de saúde é frágil.

O partido promoveu Kim Jong-Un – o filho mais novo do presidente- a general, um primeiro título oficial, que faz pensar na sucessão.

Esta manhã, os jornais da vizinha Coreia do Sul atribuem as primeiras páginas a esta promoção e os analistas não têm dúvidas sobre o que ela representa:

“fazer entrar Kim Jong-Un no ranking dos generais significa que a Coreia do Norte vai continuar uma política militarista e anunciar que Kim foi promovido, quer dizer que ele vai assumir o poder”.

Com esta promoção, Kim Jong Il lança o filho nas chefias militares e políticas do estado ao mesmo tempo, o que é um sinal importante.
Os passos que estão a ser seguidos são os mesmos que o levaram à presidência, com uma primeira nomeação oficial e pública num congresso do partido em 1980.