Última hora

Última hora

Candidato pró-secessão vence eleições na República Srpska

Em leitura:

Candidato pró-secessão vence eleições na República Srpska

Tamanho do texto Aa Aa

O candidato sérvio pró-secessão venceu as presidenciais na República Srpska.

Milorad Dodik, líder da aliança dos sociais-democratas independentes, defende a secessão e pretende que o território sérvio da Bósnia integre a Sérvia.

O aliado Nebojsa Radmanovic conseguiu a reeleição para a presidência tripartida da Bósnia-Herzegovina.

As posições nacionalistas saem reforçadas destas eleições, o que ameaça perpetuar o braço-de-ferro entre os muçulmanos da Bósnia, que querem um Estado central forte, e a comunidade sérvia, que defende uma maior autonomia ou mesmo a separação.

Um impasse que poderá ser atenuado com a eleição de Bakir Izetbegovic para a presidência tri-partida.

O líder muçulmano moderado afirma que pretende criar um ambiente melhor na Bósnia-Herzegovina, fazer reformas para que o Estado se torne funcional, remover obstáculos e oferecer um futuro melhor à nação.

Izetbegovic defende o diálogo com os sérvios da Bósnia para permitir as reformas exigidas por Bruxelas.

Uma residente de Sarajevo espera que as mudanças tragam melhorias e sublinha que os próximos quatro anos vão ser muito importantes para que se consiga a aproximação à União Europeia o mais depressa possível.

Por seu turno, a minoria croata garantiu a recondução de Zeljko Komsic na presidência tripartida e já se mostrou interessada em negociações para criar a sua própria entidade, separada da Federação croato-muçulmana.