Última hora

Última hora

Paquistão: al Qaida reivindica ataque a coluna de reabastecimento da NATO

Em leitura:

Paquistão: al Qaida reivindica ataque a coluna de reabastecimento da NATO

Tamanho do texto Aa Aa

Talibãs aliados à al Qaida reivindicaram o quarto ataque, em seis dias, às linhas de abastecimento da NATO no Paquistão.

Um grupo de homens armados atacou e incendiou uma coluna de pelo menos 10 camiões que transportavam combustíveis para as forças da NATO no Afeganistão.

O ataque ocorreu em Aktharabad, um terminal rodoviário dos arredores de Quetta, a capital da província do Baluschistão.

“Pessoas armadas chegaram em dois carros e começaram a disparar e alguns homens dirigiram-se aos camiões e incendiaram-nos. São todos camiões-cisterna de combustíveis”, conta o sub-inspector da polícia de Qetta.

A força internacional perdeu nos últimos dias 60 camiões de reabastecimento. Agastados com os ataques frequentes, os Estados Unidos acusam o Paquistão de não perseguir os insurgentes que operam na região norte do Waziristão.

Os ataques são a resposta aos raides aéreos dos drones americanos no noroeste do Paquistão. O ocidente começa também a relacionar estes raides aéreos com a alegada ameaça terrorista que paira sobre a Europa.