Última hora

Última hora

Anna Politkovskaia foi assassinada há quatro anos

Em leitura:

Anna Politkovskaia foi assassinada há quatro anos

Tamanho do texto Aa Aa

Várias centenas de moscovitas juntaram-se no centro de Moscovo para relembrar a repórter Anna Politkovskaia, assassinada a 07 de Outubro de 2006.

Precisamente quatro anos depois, as circunstâncias e o autor do crime continuam por desvendar.

A directora executiva do grupo Moscovo Helsínquia refere que “todos trabalharam a um dado momento no norte do Cáucaso, na Chechénia, como Anna Politkovskaia, mas desde o assassínio de Natasha Estemirova, já não há praticamente ninguém no terreno na região e os defensores dos direitos humanos têm medo de lá trabalhar.”

Anna Politkovskaia ficou conhecida no decorrer da segunda guerra da Chechénia, pelos seus relatos dos abusos cometidos pelas autoridades russas durante o conflito.

Chegou mesmo a ser detida em 2001 pelo exército russo que a acusou de ter obtido informações secretas.

No dia 07 de Outubro, a jornalista terá sido perseguida por um desconhecido até ao prédio onde morava. Já no interior do edifício foi mortalmente baleada.

O assassínio de Politkovskaia ocorreu no dia de aniversário de Vladimir Putin. Os ex-colegas e amigos da jornalista defendem que não se trata de uma coincidência.