Última hora

Última hora

Berlim: Exposição sobre Hitler quebra tabus

Em leitura:

Berlim: Exposição sobre Hitler quebra tabus

Tamanho do texto Aa Aa

“Hitler e os Alemães” é o nome da primeira exposição na Alemanha que tenta explicar como é que o povo germânico conseguiu ver no “Fuhrer” um salvador.

O visitante é confrontado com um mundo de propaganda nazi lado a lado com os horrores do Holocausto. Há quem tema que a exposição se transforme num centro de peregrinação de grupos neonazis.

“É uma exposição corajosa porque ainda hoje ele suscita um certo fascínio. É aí que está o perigo para os que concebem a exposição”, explica Simone Erpel, uma das comissárias.

A inauguração coincide com a publicação de um estudo polémico, segundo o qual 17 por cento dos alemães consideram a influência dos judeus demasiado grande e 36 por cento pensam que há um excesso de imigrantes que colocam a Alemanha em perigo.

A exposição tenta explicar a sedução das massas face a um homem sem carreira política, que viveu 30 anos no anonimato.

A mostra está patente no anexo do Museu de História Alemã, em Berlim, até 6 de Fevereiro.