Última hora

Última hora

ONU alerta contra níveis históricos de extinção de espécies

Em leitura:

ONU alerta contra níveis históricos de extinção de espécies

Tamanho do texto Aa Aa

O mundo enfrenta uma taxa histórica de extinção de espécies animais e vegetais. O alerta é dado pela Organização das Nações Unidas que organiza a partir desta segunda-feira a 10ª Convenção sobre Diversidade Biológica em Nagoya, no centro do Japão. Durante doze dias, 193 países vão tentar fixar objectivos para travar a perda de espécies até 2020.

Preservar a biodiversidade mundial é a meta do Banco de Sementes do Milénio, nos Jardins Botânicos de Kew, em Londres. O botânico Tim Pearce explica que “uma em cada cinco espécies de plantas no planeta está em risco de extinção” e que a maior ameaça é o próprio homem.

Durante dez anos, foram recolhidas algumas das plantas mais ameaçadas do planeta. Hoje, o banco de Kew tem sementes de mais de seis mil plantas extintas. Ainda assim, entre oitenta a cem mil espécies estão ameaçadas. As principais causas são a urbanização, a agricultura intensiva, a desflorestação e a poluição.