Última hora

Última hora

UE dividida sobre reforma das sanções

Em leitura:

UE dividida sobre reforma das sanções

Tamanho do texto Aa Aa

A reforma das sanções a aplicar aos países que não cumprem os limites do défice é um tema que está a dividir os governos da União Europeia.

Esta segunda-feira, no Luxemburgo, o presidente do conselho Europeu Herman Van Rompuy chefiou a reunião do grupo de trabalho criado para estudar este tema.

A principal divergência é entre a Alemanha, que quer sanções automáticas aos países incumpridores, e outros países que defendem um processo mais calmo. Esse grupo que rejeita a proposta alemã é liderado pela França.

O comissário europeu dos Assuntos Monetários, Olli Rehn, defende a adopção de regras rígidas neste sentido.

Este encontro antecedeu a reunião dos ministros da Economia e finanças da Zona Euro e a cimeira do Ecofin, terça-feira.

A subida do euro e as consequências que isso tem para a economia europeia foi outro tema em discussão.

Desde Junho, a moeda europeia ganhou já 18% face ao dólar.