Última hora

Última hora

Viaturas queimadas nos subúrbios de Paris

Em leitura:

Viaturas queimadas nos subúrbios de Paris

Tamanho do texto Aa Aa

Em França, a mobilização contra a reforma do sistema de pensões degenerou em violência.

Os incidentes ocorreram esta manhã, em Nanterre, a mesma cidade onde há meio século se desencadeou o Maio de 68.

Jovens entraram em confrontos com a polícia. Uma viatura foi queimada na rua.

Em pleno centro de Paris, no liceu Voltaire, os protestos foram mais pacíficos.

“Estamos aqui em nome das pessoas que se vão reformar. Os jovens têm poder para pressionar o governo. Estamos aqui por nós mas também por uma questão de solidariedade”, declarou uma estudante.

Segundo o Ministério da Educação francês, só há perturbações em cerca de 6% das escolas secundárias, uma percentagem menor do que na semana passada.

“Penso que é estranho os jovens falarem de algo que só lhes dirá respeito daqui a cinquenta anos. Além disso só há entre cinco a dez por cento de jovens a bloquear escolas, o que é triste para a democracia”, afirma Claire, a mãe de um estudante.

Para os sindicatos estudantis, as manifestações de hoje são o prelúdio da greve prevista para amanhã.