Última hora

Última hora

Iraque: Al-Maliki procura apoio no Irão para formar Governo

Em leitura:

Iraque: Al-Maliki procura apoio no Irão para formar Governo

Tamanho do texto Aa Aa

Nouri Al-Maliki, o primeiro-ministro cessante do Iraque procura apoios para um novo mandato, no Irão.

O principal rival de Al-Maliki acusa o presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, de estar a preparar terreno para uma futura aliança que deixe Al-Maliki no poder, mesmo tendo perdido as eleições legislativas iraquianas.

O líder supremo iraniano, Ayatollah Ali Khamenei, pediu aos líderes iraquianos para por um ponto final no vazio governativo no Iraque e que limitem o poder dos Estados Unidos no país.

Por detrás deste apoio estaria uma suposta aliança entre Al-Maliki e o clérigo radical xiita iraquiano Muqtada al-Sadr, refugiado no Irão. É pelo menos isso que denunciou o principal perdedor com a estratégia pró-xiita, Iyad Allawi. Foi ele quem venceu as eleições legislativas no Iraque. Agora acusa o regime de Teerão de se imiscuir nos assuntos internos de Bagdade.

Teerão desmente, mas são cada vez mais aqueles que asseguram que o regime teocrático estaria a criar um eixo pró-xiita na região.

Allawi à frente da maior coligação laica e sunita do país não tem maioria para governar.

Alguns analistas temem que se os sunitas ficarem fora do Governo, poderá haver uma escalada de violência no país, desestabilizado pelo vazio governativo.