Última hora

Última hora

Nigéria: "Febre do ouro" provoca morte de 400 crianças

Em leitura:

Nigéria: "Febre do ouro" provoca morte de 400 crianças

Tamanho do texto Aa Aa

Depois da cólera, da meningite e da malária é a febre do ouro que está a provocar a morte de centenas de crianças na Nigéria.

Pelo menos 400 faleceram nos últimos meses devido à contaminação com chumbo, utilizado na prospecção das centenas de minas a céu aberto.

As autoridades lançaram o alerta para a situação detectada em Junho na província de Zamfara e que se alastra a pelo menos 18 povoações da região.

Desde Junho, que a organização Médicos sem Fronteiras (MSF) alerta para a gravidade da situação na localidade de Zaman Gira.

“Se não forem tomadas medidas urgentes, o número de mortes causadas pela intoxicação com chumbo deverá somar-se nos próximos meses às vítimas de cólera”, segundo um responsável dos MSF.

A situação agrava-se nas últimas semanas, face à renitência da população em alertar para as mortes de crianças, expostas aos produtos tóxicos.

Os habitantes temem que o governo proiba a prospecção de ouro nas minas clandestinas, que representa o principal sustento das centenas de aldeias da região.