Última hora

Última hora

Al Qaeda pretendia atacar território americano

Em leitura:

Al Qaeda pretendia atacar território americano

Tamanho do texto Aa Aa

A Al Qaeda preparou um atentado de larga escala contra o território dos Estados Unidos, a partir do Ieman.

As certezas são as conclusões das investigações feitas aos pacotes com explosivos, interceptados nos aeroportos de Londres e do Dubay.

Depois disto, as autoridades do Iemen interceptaram mais 26 embrulhos idênticos.

As autoridades britânicas dissiparam todas as dúvidas, como diz uma porta-voz:

“Posso confirmar agora que o dispositivo era funcional e podia ter explodido. O alvo poderia ser um avião e podia ter detonado e o avião podia ter sido derrubado”

Os embrulhos transportavam um composto de nitroglicerina e propanol e um mecanismo de detonação electrónica.

As encomendas foram despachadas de Sanaa, no Iemen e, por várias rotas, deviam chegar a diversos aeroportos da costa Atlântica dos Estados Unidos.

Fariam escalas em diferentes cidades do Médio Oriente e da Europa.

Mas o Aeroporto de Filadélfia aparece como o alvo preferido.

O presidente Barack Obama é esperado aqui, para encerrar a campanha eleitoral, para as eleições intercalares desta terça-feira.

Um atentado podia não atingir o presidente, mas criaria uma clima de intimidação.

A polícia do Dubai diz que o tipo de bomba e a forma como estava dissimulada tem a marca da Al Qaeda.

Todos os aeroportos americanos estão agora em estado de alerta máximo