Última hora

Última hora

Oposição pede demissão de Berlusconi

Em leitura:

Oposição pede demissão de Berlusconi

Tamanho do texto Aa Aa

A esquerda italiana quer levar o chefe do governo ao Parlamento para se justificar sobre um novo escândalo sexual envolvendo uma menor de 17 anos.

A imprensa italiana fala hoje deste personagem a que chama Ruby e revela que a menor foi detida por suspeita de roubo e confessou à polícia ter estado três vezes em festas, na residência do primeiro-ministro.

Interrogado pelos jornalistas em Napoles Berlusconi respondeu que veio a Napoles tratar doutro lixo e não dessas questões.

A reacção dos partidos da oposição não se deve no entanto à questão sexual, mas sim ao lado político do escândalo.

Segundo Ruby, quando a polícia procedia ao interrogatório, recebeu uma chamada da presidência do governo ordenando a libertação da menor, por este poder ser sobrinha de Hosni Mubarak, Presidente do Egipto.

Cerca das três da manhã, Nicole Minetti, ex-dentista de Berlusconi eleita pelo seu partido para o conselho regional da Lombardia, foi buscar Ruby à esquadra.

A esquerda italiana mostra indignação, o lider do partido democrata exorta o primeiro ministro a demitir-se e diz que esta não é uma maneira de governar o pais num momento com problemas muito serios.

A imprensa italiana parece não acusa o chefe do conselho de ter tido relações sexuais com a menor coisa que os advogados de Berlusconi desmentiram formalmente.

Silvio Berlusconi já se envolveu no passado noutros escândalos sexuais que incentivaram sua esposa Veronica Lario a pedir o divórcio.