Última hora

Última hora

Costa do Marfim escolhe presidente

Em leitura:

Costa do Marfim escolhe presidente

Tamanho do texto Aa Aa

A Costa do Marfim escolhe este domingo o novo presidente do país, esperando-se que a eleição represente o fim de uma longa crise político-institucional.

As últimas eleições presidenciais ocorreram há 11 anos, mas desde 2005 que o país vive uma crise, que incluíu uma guerra civil.

O escrutínio está a decorrer sem incidentes e com uma apreciável afluência de eleitores.

A população, como diz uma eleitora, espera que a Costa do Marfim retome a via democrática e constitucional e que a guerra acabe de uma vez:

“Esperámos este momento com muita impaciência e estou muito contente, é um orgulho para mim vir votar. É a Costa do Marfim que vai sair vencedora”.

O actual presidente, Laurent Gbago, que se mantém em funções apesar do seu mandato ter terminado em 2005 é um dos candidatos. Defronta os dois eternos rivais: o antigo presidente Henri Konan Bédié e o antigo primeiro-ministro, Alassane Quattara.

Os analistas adimitem que um deles será presidente.

Mas há uma mulher na corrida. Jacqueline Obié pode cativar o eleitorado feminino e, pelo menos, entrar no sprint final.

Além destes quatro, há ainda mais 10 candidatos.