Última hora

Última hora

Execução de Ashtiani pode estar iminente

Em leitura:

Execução de Ashtiani pode estar iminente

Tamanho do texto Aa Aa

O Comité Internacional contra a Lapidação garante que a execução da iraniana, Sakineh Ashtiani, está iminente.

A organização acredita que a mulher de 43 anos vai ser morta o mais tardar esta quarta-feira. Uma informação que o regime de Teerão não confirma nem desmente.

Viúva desde 2003, Ashtiani foi inicialmente condenada no Irão por adultério, um crime punível com pena de lapidação.

A defesa tornou o caso público gerando uma onda de protestos a nível internacional.

O adultério deve ser provado em tribunal através de uma confissão do arguido ou de testemunhas.

Ashtiani disse sempre estar inocente.

Entretanto, em Julho deste ano um tribunal iraniano condenou Ashtiani por cumplicidade na morte do marido.

O Comité Internacional contra a Lapidação garante que a iraniana nunca foi acusada ou julgada por homicídio.

A organização apelou, entretanto, a novas manifestações e à libertação imediata do filho mais velho da iraniana, do advogado, e dos jornalistas que foram detidos quando os entrevistavam.