Última hora

Em leitura:

Grécia intercepta seis novos engenhos explosivos


Grécia

Grécia intercepta seis novos engenhos explosivos

Seis engenhos armadilhados foram interceptados, esta terça-feira, na Grécia. Os pacotes bomba destinavam-se à cinco embaixadas: Suíça, Bulgária, Rússia, Alemanha e Chile.

O primeiro incidente ocorreu frente à embaixada suíça em Atenas. Um desconhecido atirou uma bomba de fraca potência junto ao edifício, provocando, uma explosão.

De acordo com a polícia não há vítimas a registar. Um homem acabou por ser preso.

Os agentes da brigada minas e armadilhas detonaram dois embrulhos endereçados às embaixadas da Bulgária e do Chile.

No total, quatro pacotes armadilhados foram neutralizados pela polícia.

Estes incidentes ocorrem um dia depois de terem sido interceptados vários embrulhos armadilhados endereçados ao Presidente francês, Nicolas Sarkozy, e a três embaixadas estrangeiras: Holanda, Bélgica e México.

Três bombas foram detonadas pela polícia. Uma acabou por explodir, provocando, ferimentos numa trabalhadora que fazia a distribuição do correio.

Na sequência destes incidentes, dois gregos foram detidos. Os homens de 22 e 24 anos estavam armados e transportavam dois dos pacotes armadilhados. Os suspeitos foram, entretanto, presentes a um juiz.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Khodorkovski acusa Putin no fim do processo onde é julgado